• (45) 3027-2551
  • (45) 99834-2934
  •         
Foz do Iguaçu, Paraná    º ↓º    23 Out | 02h30
Revista
DIVA MAG
Assine Já
11 Out | 15:38:18

Famílias Olfativas: você as conhece?




A perfumaria é um mundo encantador e cheio de criatividade. Dosar notas e acordes com maestria é uma tarefa maravilhosa, porém, nada simples. A harmonização dos ingredientes e a construção de uma fragrância com identidade, que passe a mensagem desejada, depende de uma criteriosa combinação de matérias primas, com concentração e estrutura bastante complexa. Para facilitar a identificação das notas, no universo das fragrâncias elas foram organizadas em famílias olfativas, ou seja, aromas que possuem certa semelhança e comportamento, e assim, identificam a alma de cada perfume para facilitar a escolha.

 

 

Família Floral

Romântica e feminina, a família olfativa floral utiliza notas predominantes de pétalas e flores, com maior ou menor potência. Desde as delicadas peônias aos inebriantes lírios e tuberosas, a família floral traz delicadeza e uma sensualidade mais comedida, com grande sofisticação e beleza. As interpretações mais conhecidas são as Florais puras, Florais aldeídicas, Florais suaves, Florais Frutadas e Florais Orientais.

 

Família Oriental

Opulenta e sensual, a família oriental leva especiarias, resinas e baunilha. São fragrâncias marcantes, geralmente com projeção e duração potentes, muito apreciadas em climas mais frios ou ambientes noturnos. Cravo, canela, fava tonka e benjoim são as matérias primas mais utilizadas. Fazem parte deste grupo os Especiados, Orientais suaves, Orientais gourmands e Orientais amadeirados.

 

Família Amadeirada

Mais sóbria e elegante, a família amadeirada é uma das mais populares entre o público masculino. Utilizam em suas notas as madeiras, em diversas leituras: mais secas, polidas, claras ou escuras, resinadas ou em tintura. Por terem longevidade e versatilidade, são as favoritas para as notas de fundo das pirâmides olfativas, deixando o perfume mais estruturado e refinado. Sândalo, cedro, hinoki e carvalho costumam representar esta linha, da qual fazem parte os Amadeirados puros, Amadeirados almiscarados, Amadeirados secos e Aromáticos.

 

Família Fresh

Fresca e revigorante, na família fresh reinam os cítricos, verdes e as notas aquosas. Adorada no Brasil e nos países tropicais, a combinação frutas cítricas, lavandas e plantas folhosas é perfeita para o verão e para climas quentes, sendo imbatível nos bodysplashes e águas de colônia. Suaves e com duração efêmera, constam frequentemente da lista de notas de topo. Frescos cítricos, Frescos aquáticos, Frescos herbais e Frescos frutais representam esse grupo.

 

Nada impede que uma família olfativa se comunique com outra, tendo cada perfumista a liberdade de “brincar” com notas e acordes no momento da criação da fragrância. Além do mais, outras notas podem integrar a sinfonia, com um quê inusitado e interessante: couro, aldeídos e atalcados podem complementar a criação para o efeito final desejado. Atualmente, a tendência é utilizar elementos gustativoscomo aroma de cupcake, algodão-doce e pralinê – o que vem a se denominar perfume “gourmand” – ou mesmo outras sensações como o sal marinho, caviar e até mesmo notas alcoólicas como gim e Champagne.

 

DICA:

Na hora de escolher uma fragrância, preste atenção na família olfativa que mais lhe agrada e busque aproximação entre outras famílias, assim, as chances de acerto são maiores. Também vale prestar atenção na adequação entre clima e ambiente, pois, em determinadas temperaturas o comportamento de certas fragrâncias pode desagradar.

 

E você, já sabe qual sua família olfativa favorita?

 

Priscila Lini

Consultora Olfativa

@parfumee.br


Compartilhar


Posts Relacionadas


Comentários