• (45) 3027-2551
  • (45) 99834-2934
  •         
Foz do Iguaçu, Paraná    º ↓º    14 Ago | 20h31
Revista
DIVA MAG
Assine Já
09 Ago | 15:21:04

ALENDRONATOS E IMPLANTES, O QUE É ISSO?




 

 

 

VOCÊ SABIA QUE HÁ ALGUNS REMÉDIOS PARA OSTEOPOROSE, QUE OS PACIENTES DEVEM SEMPRE  INFORMAR SEU USO AO CIRURGIÃO DENTISTA? E DEVEMOS TER MUITA CAUTELA PARA REALIZAÇÃO DE IMPLANTES?

 

 

 

Hoje sabemos que um número muito grande de mulheres que sofrem de osteoporose, sendo 20 a 30% das mulheres após a menopausa, perdem até 3% de osso por ano. Esse é um dos fatores que fez com que o uso de medicações como o Alendronato (Bifosfonatos) aumentasse demasiadamente nos últimos anos, além do uso em osteoporose estes medicamentos são prescritos pelos médicos também para Doença de Paget e cânceres (mama, pulmão e próstata).

Mas o que está ocorrendo é que os pacientes que fazem o uso deste tipo de medicação ficam muito suscetíveis a desenvolver uma necrose óssea (a morte do osso), caso  tenha que passar por um procedimento cirúrgico na Cavidade Oral (Boca); como Extração dentária, realização de enxertia óssea e IMPLANTES.

Por este motivo, estes pacientes tem  SEMPRE que alertar ao Cirurgião Dentista quanto ao seu uso, pois pode causar problemas muito maiores.

Os Implantodontistas capacitados, caso saibam que o seu paciente faz uso destas medicações tem que pedir exames sanguíneos para mensurar (medir) a quantidade sérica, sendo assim, orientar este paciente junto ao seu médico para ver a possibilidade de suspensão, se possível, ou mesmo fazer o controle.

Afinal, um medicamento que é importantíssimo para Osteoporose pode, e muito, prejudicar um tratamento Odontológico,  e após instalada esta Necrose óssea, o tratamento consiste em tentar recuperar este osso perdido, com novas cirurgias,  com uso de Fibrina do Sangue (i-PRF), raspagens deste osso morto, antibióticos e o que está muito em uso, atualmente, é a Ozonioterapia (mas este é para uma futura conversa, pois  merece uma matéria só dela).

Tanto para o Profissional quanto para o paciente, o cuidado é sempre essencial, e qualquer dúvida, estamos a disposição.

 


Compartilhar


Posts Relacionadas


Comentários