• (45) 99801-7655
  • (45) 99830-1236
  •         
Foz do Iguaçu, Paraná    º ↓º    23 Mai | 07h37
Revista
DIVA MAG
Assine Já
13 Mai | 15:29:44

LPF e RPP: Sistema de treinamento respiratório e postural




Fale um pouco sobre sua historia.
Eu me chamo Paula Brombilla Rodrigues, tenho 36 anos, e sou formada em fisioterapia desde 2008. Desde minha formação eu sempre tentei buscar coisas diferentes pra me atualizar e aperfeiçoar. Nesse caminho eu trabalhei com estética, conheci a acupuntura e o Pilates, e trabalhei com essas técnicas por vários anos no Brasil e no Paraguai. Ao longo dos anos, dentre meus pacientes eu tive muitas gestantes e puérperas, e durante as avaliações e nossas conversas percebi que a maioria das queixas delas estavam relacionadas à diástase abdominal, dores nas costas, e a famosa incontinência urinária, que é muito mais comum do que se imagina. Tudo isso influenciava negativamente na vida e na autoestima delas, e vendo a dificuldade delas em encontrar um tratamento que fizesse sentido, eu me aprofundei mais no tema da diástase abdominal, percebi que todas aquelas queixas estavam interligadas, e foi assim que cheguei no LPF e no RPP, que são os métodos que mais uso nos meus atendimentos, atualmente.

O que é a diástase abdominal? 
Diástase abdominal é o nome dado ao afastamento dos músculos retos abdominais na linha alba, que é a linha que divide o abdômen em lado esquerdo e direito, mas, vai muito além disso, sendo um fenômeno multifatorial que engloba alterações estruturais e funcionais em todo o abdômen e em várias estruturas e profundidades. 
A maioria das mulheres se atém somente ao afastamento dos músculos, e não ao comprometimento de todas as estruturas e funções afetadas. Sintomas como a perda de urina, dores nas costas, sensação de estufamento ao final do dia, podem estar relacionados à diástase abdominal.

O que são o LPF e o RPP?
Os métodos LPF (Low Pressure Fitness) e o RPP (Reestruturação Pós-parto) são programas completos de treinamento e tratamento que incluem exercícios respiratórios, fortalecimento de CORE e exercícios hipopressivos, com o objetivo de melhorar o aspecto e a função do abdômen. Ou seja, além do resultado estético da diminuição da circunferência e definição da musculatura do abdômen, há o resultado funcional da restauração da resistência e força muscular, diminuição da diástase, a melhora da postura, alivio de dores, fortalecimento do assoalho pélvico e períneo, e o controle da incontinência urinaria. 
Como é o seu atendimento?
Meu atendimento é individual e personalizado, focado nas necessidades de cada paciente. As sessões, com duração de aproximadamente 1 hora, acontecem através de 1 ou 2 encontros semanais, que podem ser presenciais ou on-line, e também há exercícios a serem realizados diariamente pelo(a) paciente em casa que ajudam para que haja comprometimento de ambas as partes e que os exercícios se tornem um habito.

Você atende mulheres gestantes ou no pós-parto imediato?
Sim, elas terão grandes benefícios, pois, meu tratamento ajuda a reorganizar os órgãos internos, a evitar e melhorar as dores nas costas, recuperar o tônus do abdômen e assoalho pélvico, e ainda, reduzir ou até eliminar a diástase através do fechamento da linha alba. Apesar de a gestação não ser uma contraindicação para as técnicas que eu uso, especialmente no caso das gestantes, é imprescindível a liberação do medico responsável. 

Em quanto tempo é possível perceber os resultados?
Os resultados já são perceptíveis nas primeiras sessões, mas para obter os melhores resultados, indica-se seguir o tratamento por um tempo mínimo de 6 semanas. 
É importante ressaltar que cada caso é um caso e fatores genéticos, estilo de vida (alimentação, sono) e o nível de comprometimento que o paciente tem com a técnica podem causar diferenças nos resultados.

Você usa aparelhos ou produtos no seu atendimento?
Não são necessários produtos cosméticos nos meus atendimentos, mas em relação a aparelhos, pesquisas recentes mostram que o uso de aparelhos de eletroestimulação combinado aos exercícios hipopressivos potencializam os resultados por aumentarem o controle e a qualidade das contrações musculares realizadas, melhorando assim o tônus dessa musculatura. Com base nisso, eu incluo o uso de eletroestimulação no meu tratamento sempre que necessário. 

Paula Brombilla
Fisioterapeuta, licenciada no método LPF
há mais de 3 anos, referência em 
tratamento de diástase e 
expert no método RPP. 


@paula_brombilla
(45) 98826-6695
 


Compartilhar


Posts Relacionadas


Comentários