• (45) 3027-2551
  • (45) 99834-2934
  •         
Foz do Iguaçu, Paraná    º ↓º    30 Nov | 21h06
Revista
DIVA MAG
Assine Já
19 Nov | 14:19:09

Selfie Point da CASACOR Paraná 2019 explora referências futuristas




O primeiro ambiente da mostra chama para um registro em meio a elementos tecnológicos que remetem à complexidade do Universo

 

Em ano de estreia na CASACOR Paraná, os arquitetos Ana Carolina Boscardin e Edgard Corsi, do Studio Boscardin.Corsi, apresentam o espaço Selfie Point, voltado para o registro dos visitantes da mostra. O ambiente de 55m² traz projeções futuristas na medida em que utiliza materiais tecnológicos e retrata a beleza e as incertezas do Universo.

 

Partindo do conceito “Planeta Casa”, que norteia a exposição deste ano, os profissionais se questionam sobre como seria a relação da humanidade com um possível novo planeta que ela venha habitar. O conceito futurista explora o imaginário, a tecnologia e a rapidez das redes sociais, no qual o gigantesco Universo se expande ao olhar e concepções humanas.

 

De acordo com a interpretação dos arquitetos, o futuro é alvo, puro e preenchido apenas com a luz, representado pela cor branca, e complementado pelo carpete em vivo tom roxo, que remete à uma superfície árida. Ainda que desconhecido, os tempos que virão prometem trazer conforto, numa visão otimista sobre o Cosmos.

 

Destaque para o neon vermelho que guia o visitante ao intimista “Selfie Point”; para as esferas suspensas que remetem aos astros; e para a tela tensionada e iluminada, que oferece conforto visual e funciona como um elemento interessante e diferenciado para os registros fotográficos.

 

Entre os materiais, sobressaem-se as paredes executadas em steel frame e revestidas com placas cimentícias sem acabamento – técnica sustentável uma vez que não gera resíduos e permite reuso. O forro em MDF segue a modulação das placas ao apresentar desenho em linhas, e o painel vazado metálico, recortado a laser, tem desenho exclusivo e lembra um skyline de vegetação.

 

Os profissionais incluíram uma árvore natural encapsulada como imagem do que acreditam ser a natureza no futuro: rara, como uma obra de arte. Para trazer o aspecto humano, o espaço ainda conta com o Banco Toy,desenhado porJayme Bernardo. Com esses elementos, a dupla busca gerar a reflexão sobre as ações humanas e seu impacto na Terra, além de possíveis novos territórios a serem explorados.

 

Informações à imprensa:

PRIME COMUNICAÇÃO


Compartilhar


Posts Relacionadas


Comentários